Pular para o conteúdo principal

Postagens

O PRAZER DE SE CUIDAR

Outro dia acordei cedo morrendo de sono achando que não teria pique para nada durante o dia. Este é o resultado de sono atrasado! A princípio, devido à moleza, pensei em colocar uma roupa qualquer e sair. Mas pensei bem e resolvi não sair de qualquer jeito.
Escolhi cuidadosamente a roupa, maquiei-me, perfumei-me e, de repente, estava com outro ânimo. Aquela vontade de não fazer nada passou e me vi entusiasmada, tecendo mil possibilidades para aquele dia.
Tirando o exagero da vaidade e a obsessão pela forma perfeita, é muito bom cuidarmos da gente. São de vital importância nos arrumarmos e nos sentirmos bonitas. Isto faz uma diferença! É um presente que damos a nós mesmas. Isto eleva a nossa energia, a nossa frequência vibracional, e contribui demais para a nossa autoestima.
Não somos só um corpo, mas somos também um corpo. E assim como cuidamos de nossa mente e emoções (pelo menos assim deveria ser), precisamos cuidar também de nossa aparência, pois faz parte do nosso ser. Somos um conj…
Postagens recentes

À GRANDE MÃE

Meus mundos são miragens construídas por Ti São viagens evanescentes de tamanho esplendor Janelas abertas para a Tua beleza Portas ainda fechadas para os Teus mistérios
Sou um ser pensante, caliente e gritante Um ser de alma etérea e esfusiante Me solto a cada passo num abismo sem fim Com a certeza de cada salto ser algo pra mim
Tenho o mundo dentro e fora de mim A vida, a morte, e nada do fim As quatro estações, o dia e a noite O ser, o não ser, e o meio dos dois
Pois sou pássaro igual a Ti Sou lobo uivando pra Ti Sou o brilho da Lua e a queda da água Sou o Sol resplandescente e a chama ardente
Não me deixe fugir daquilo que sou Não me deixe pensar bem menos do que sou Pois um dia chegará que o véu cairá E verei em mim toda a Tua verdade!

Anna Leão (Favor mencionar autoria e fonte ao reproduzir este poema)


INTERVALO

Quantas coisas, quantos afazeres, quantos projetos, quanta correria! E neste corre-corre da vida temos que ter cuidado para não nos perdermos do sutil, da magia, da intuição, da criatividade mais primitiva.

  Dar uma parada de tempos em tempos é essencial. Tirar um dia para sentir dentro é vital!

 Percebo que já faz algum tempo que não escrevo o que vem de dentro, isto é, o que sinto?  Quase um mês, talvez? Isto para mim é muito tempo para não registrar as minhas emoções, as minhas percepções... Textos mais técnicos apenas, porque estou mais técnica, mais prática, mais objetiva.

  Que bom! Isto é ótimo para alguém tão viajante quanto eu... Tão diáfana, etérea, dionisíaca, lisérgica. Todas estas características já atribuídas a mim. E, diga-se de passagem, que eu adoro! Pois sou assim também, e gosto de ser reconhecida pelo que sou.

Mas também sou outras coisas. E são elas - meio que opostas daquelas - que vieram ganhando espaço em mim de uma forma mais intensa de uns meses para cá.

  M…

A Lei do Distanciamento - a arte do desapego

O Universo é regido por várias Leis Espirituais. Estas leis comandam tudo que há no mundo, inclusive nós, seres humanos, que fazemos parte deste mundo. Estarmos sintonizados com estas leis é a garantia de fluirmos com o Universo, numa prosperidade constante e contínua em todos os níveis de nossas vidas.
Uma destas leis é a Lei do Distanciamento, explanada no livro A sete Leis Espirituais do Sucesso, de  Deepak Chopra.  Esta lei talvez seja uma das mais difíceis a serem compreendidas e postas em prática, devido ao apego existente e estimulado em nossa sociedade ocidental.
A Lei do Distanciamento se baseia no desapego, no soltar. Não devemos nos apegar ao que queremos, aos resultados, aos objetivos finais, a nada. É um pouco daquele preceito: o importante é a jornada. E é isso mesmo! Deleitarmo-nos com o processo, com o tempo presente de nossas ações, rumo aos resultados almejados. Simplesmente ir no fluxo, deixando fluir o movimento que nos levará naturalmente onde queremos chegar.  N…

SAINDO DA ZONA DE CONFORTO...

A vida muda o tempo todo. Nada é constante, tudo é fluxo, movimento. Mas e a nossa vida, será que ela também muda o tempo todo? Quantas pessoas nós não conhecemos que estão vivendo suas vidas sempre do mesmo jeito? Quem sabe nós não somos algumas delas? Se não, quantas vezes não ficamos estagnados numa mesma fase por muitos anos? Como somos vida, como estamos vivos, temos que fluir junto com ela. Temos que nos mexer e movimentar a nossa vida.
     Eu mesma sempre procurei mudar as coisas na minha vida a cada ano. Pelo menos eu mudava a rotina, me dedicava a coisas novas, fazia um novo curso, por exemplo. Mas hoje vejo que isto era apenas uma pequena mudança, na verdade, era uma ilusão para eu achar que me movimentava de fato. Realmente eu não caia na rotina, mas quando falo em movimento de vida, falo em algo muito maior. É mudar mesmo! É mudar internamente, se renovar, se reinventar, para usar esta palavra tão em moda hoje em dia.
     A mudança interna vai acarretar mudanças externa…

PEREGRINA

Sou uma peregrina da vida Onde ela pode me levar eu não sei Mas sei que ela me quer e eu a quero
Transformo minhas mudanças em presentes para mim mesma Trabalho o que pra mim é vital em cada momento
Sou uma peregrina da alma Com ela comungo com os quatro elementos Me sintonizo com suas forças Pra me fazer inteira Mergulho em suas energias Pra me sentir completa
Sou uma peregrina da Arte Que com seus mistérios tudo transforma Que se funde em mim de várias maneiras Que me faz transpirá-la por meu corpo inteiro
Sou uma peregrina Sou uma peregrina Sou uma peregrina
Livre Selvagem Natural Sempre peregrina... De mim mesma.
Anna Leão. (Favor mencionar fonte e autoria ao reproduzir este poema)

GUERREIROS DE ALMA

Fazer escolhas é algo difícil, quebrar padrões também requer muito esforço. Mas e quando se juntam as duas coisas, e ainda por cima temos que quebrar padrões não só internos, mas padrões externos vigentes?

Pois é, precisa-se de muita coragem, força e autoconfiança para conseguirmos fazer isto. Poucos as têm, e como eu os admiro! São pessoas que estão mais voltadas para o seu próprio crescimento pessoal - o que está diretamente ligado à autorrealização – do que para cumprir um caminho traçado pela maioria, muitas vezes sem verdade, muitas vezes um caminho de acomodação e frustração.

É muito fácil nos acomodarmos e comprarmos uma vidinha esquemática e comportada, onde parece que tudo está no lugar e seguro. Mas para algumas pessoas - e eu me incluo aqui - se não podemos ser nós mesmos, se não podemos exercer nosso talento e vocação, se nos sentimos aprisionados, de nada isto vale.

Muitos que jogam tudo para o alto e vão atrás de seus sonhos, ou melhor, de manterem suas próprias identida…

PENSAMENTOS QUE ILUMINAM...