Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2011

A Eterna Busca

Há alguns anos eu reencontrei um amigo que não via há muito tempo. Depois de algumas conversas, ele me disse que me via sempre numa busca, que parecia que eu estava sempre buscando algo. Eu disse a ele que no dia em que não houvesse mais esta busca, não haveria mais porque existir. Mais recentemente, conversando com outro amigo, esse também me falou de busca; da sua busca pessoal, que ele não sabe do quê, mas que é o que o move incessantemente. Essa busca, a meu ver, é algo constante. Ela significa vida, movimento, evolução. Acredito que ela possa se manifestar em qualquer área de nossas vidas, mas ela vem sempre de dentro, de nosso interior, talvez de nossa alma. Ela é uma pulsação que não cessa. É um chamado que nos leva a um passo a frente. É uma inquietude saudável, que nos dá prazer e a certeza de que estamos vivos. Ela é a promessa de que há bem mais para desbravar, para descobrir, para assimilar. No meu caso, eu me sinto sempre como se estivesse subindo uma escada, ou descendo…

Comunhão

O Sol me aquece com a energia da chama divina Sinto a vida solar pulsando e envolvendo todo o mundo A brisa quente se faz presente e aquece a  minha face gelada Ela toca suavemente o meu rosto e me faz amar Sorrio de prazer e felicidade comungando com os dons divinos Tranquilizo-me quando vejo a água do lago banhada pelos raios solares Me fortaleço ao contemplar a montanha grande e majestosa Me enraizo ao abraçar a árvore robusta que me sustenta com suas firmes raízes fincadas na terra  Seu tronco forte sustenta seus galhos que dançam a céu aberto comungando com as estrelas Equilibrada pela Natureza eu sigo meu caminho Sou feita do Sol e da Lua, do Céu e da Terra.
Anna Leão (Favor mencionar autoria e fonte ao reproduzir este poema).