Pular para o conteúdo principal

O CULTO À FORMA PERFEITA.





Já faz um tempinho que reencontrei uma mocinha de uns 18 anos que mora na minha rua. Eu a conheci criança, sempre muito bonitinha. Passou a adolescência mais bonita ainda, até este dia quando levei um susto. A menina está esquálida! Parece ter dez anos a mais. Além disso, seu rosto, antes tão cheio de vida (e de carne), está encovado, abatido. O corpo, uma tábua, sem forma, sem curvas (algo tão característico da mulher). Ela ia para a academia, então percebi que não estava doente, embora parecesse, por sua fisionomia.

Essa garota é só um exemplo de todo esse culto à magreza, à forma "perfeita", à massificação. Pois a verdade é essa, se as pessoas não se respeitam pelo que são, por seu biotipo físico, pelas coisas em que acreditam, por suas próprias características tão peculiares que fazem parte de uma identidade pessoal, se preferem se enquadrar em padrões pré-estabelecidos, essas pessoas querem ser massificadas e teleguiadas! 

Acredite em você e lute para ter o direito de ser você mesma, a começar pelo seu corpo! Vou dizer, prefiro ser um peixe fora d'água. O que adianta estar na água se ela está contaminada?

As mulheres sofrem tanto tentando alcançar um ideal imposto. Pra começar perdem completamente a autoestima, e acham que é conquistando o corpo perfeito que vão resgatá-la. O importante é descobrir nossa própria beleza e saber usá-la. O interessante está na diversidade! Não somos bonecas para sermos fabricadas em série. Temos também uma identidade corporal, e isso é muito importante!

Há cerca de um ano assisti a um programa na televisão que mostrava uma garota querendo se transformar numa celebridade qualquer. Não foi um programa esporádico, não. Era um programa regular que a cada episódio vinha com uma nova moça e com um "novo" modelo a ser copiado. A pessoa passava por cirurgia plástica para ter os seios, as maçãs do rosto e etc, de fulana de tal. E essas moças não eram feias, não!

Estas situações me deixam pensando em como o ser humano está doente, perdido. É triste isto. Você é bonita, se olha no espelho e não vê isso. Só verá quando estiver parecendo com fulana ou de acordo como mandam as revistas da moda.

Hoje você tem que ter dois melões bem grandes no lugar dos seus seios. Então, todas correm para se cortar, na ânsia de não ficarem para trás, de serem mais que as outras, de não perderem "seu" homem, ou de conquistarem todos. Bom, neste caso, se é um homem assim que você quer, vá em frente e boa sorte.

Acho que estou meio agressiva hoje, mas é que vejo tanto exemplo dessas coisas. Dessa falte de autorrespeito, autovalorização, de substância, de conteúdo (em todos os níveis).

Uma mulher só tem uma verdadeira autoestima quando ela é livre para ser ela mesma, do jeito que for, sem se importar se vai agradar, porque o importante, o saudável, é que ela agrade, primeiramente, a si mesma. Daí vem sua força, seu poder pessoal e, consequentemente, seu encanto. Porque o que realmente atrai é uma pessoa que esbanja satisfação com ela própria, com a vida. E quem pode estar satisfeita fazendo dieta o tempo todo, se enfiando em cirurgias a cada estação, se preocupando a toda hora se um fio de cabelo está fora do lugar?


EU QUERO VERDADE, EU QUERO VIDA, EU QUERO AUTENTICIDADE, EU QUERO LIBERDADE!
VÊNUS/AFRODITE QUE NOS PERDOE, MAS PARECE QUE NÃO ENTENDEMOS NADA DO QUE ELA REPRESENTA. NADA CONHECEMOS SOBRE O VERDADEIRO SIGNIFICADO DA BELEZA.


Anna Leão. (Favor mencionar autoria e fonte ao reproduzir este artigo)







Comentários

Excelente manifesto!
LYDIAH disse…
Anna, minha querida,

você, melhor que ninguém, sabe o quanto eu esperei, ansiosa, por esse seu texto.

PARABÉNS!!!

Sua colocação está perfeita!!!

SOMOS SERES HUMANOS!!!

Os outros são apenas robôs com seus números de série.

Só espero que possa voltar a existir o tempo em que a VERDADE e a ESSÊNCIA de cada um era valorizada e respeitada!!!

PARABÉNS, querida!!!

Tenho certeza que VÊNUS/AFRODITE, em Sua forma deliciosamente cuvilínea de mulher, está Abençoando cada palavra de seu texto!!!

Beijos no coração,
Lydiah.
Anna Leão disse…
Lydia querida,

Muito obrigada!!!
Estamos juntas nesse caminho de torcer para um mundo com mais substância e sensibilidade! Tentamos fazer o que podemos!
Um dia chegamos lá, de alguma forma...
Que Vênus/Afrodite nos abençõe sempre!
Beijos,
Anna.
Deny disse…
Anna,texto brilhante...Essa pressão para termos um corpo "perfeito" e tão grande e injusta...Suas palavras foram otimas para minha auto-estima.

Parabéns!

Deny zuba.
Anna Leão disse…
DENY, que bom!
Fico muito feliz por fazer algo de bom e verdadeiro. É isso, devemos nos ajudar, nos unir, olhármos cada vez mais para dentro de nós, redescobrindo nossa própria beleza e ajudar a valorizar a beleza única de nossas irmãs (todas as mulheres).
Beijos.

CARMINHA, querida amiga,
mais uma vez obrigada por sua presença aqui.
Beijos.

Anna Leão

Postagens mais visitadas deste blog

BRUXAS E FADAS - QUEM É QUEM?

Minha filha mais nova chegou para mim dizendo que a amiga não acreditava em bruxa boa, que bruxa boa era fada. Ledo engano.
Está certo que a menina fala inspirada nos contos de fadas e tudo o que há por aí sobre o assunto a nível de fantasia. Mas me pergunto, e Harry Potter?
Isto mostra como as crenças (olha elas aí de novo!) são muito fortes e difíceis de serem mudadas de uma hora para a outra. Criamos imagens de certas coisas que ficam enraizadas em nossa psique e na psique coletiva, mesmo que erradas.
Para começar, bruxas e fadas existem. Só que a maioria das pessoas tem uma imagem completamente equivocada de ambas. Existe muito preconceito, má informação e deturpações.
Vamos por parte. Começo pelas fadas. Elas são seres elementais. O que é isto?
Bem, existem quatro elementos básicos da criação, a saber: Terra, Ar, Fogo, Água. Os elementais são seres habitantes destes elementos. Seus nomes, atribuições, características e funções são de acordo com o elemento a que pertencem.
Os reinos ele…

Perséfone - Deusa da Primavera e Rainha do Submundo

De Metamorfose

A princípio pode parecer estranho que a Deusa Perséfone tenha como atributos a Primavera e o Submundo, mas não podemos esquecer que da morte advem a vida e o mito desta Deusa explica isto muito bem.

Filha de Zeus e Deméter, esta jovem Deusa grega, enquanto colhia flores, é raptada por Hades, o Deus do Mundo Subterrâneo.

Jacinto foi a flor que seduziu Perséfone atraindo-a ao local onde a terra se abriu, surgindo Hades em sua carruagem dourada, puxada por cavalos imortais.

Contra a sua vontade Perséfone foi levada ao Submundo. Seus gritos não foram ouvidos por nenhum Deus ou mortal, exceto pela Deusa Hécate que os ouviu de sua caverna.

Deméter, Deusa da colheita, da fertilidade e dos grãos, ao perceber o sumisso de sua filha sai a sua procura. Muito triste e lamentosa, sua luz e alegria vão se extinguindo dando lugar a sua ira, o que provoca a seca e o frio na Terra.

Finalmente ao saber por Hécate o paradeiro de Perséfone, Deméter vai até Zeus pedindo que ele interceda junto a …

O CHAKRA ESPLÊNICO - O SEGUNDO CHAKRA

De Metamorfose

Continuando a falar sobre os chakras...

Chakra Esplênico é o nome do segundo chakra que se localiza no baixo ventre, quatro dedos abaixo do umbigo.

Seu nome em sânscrito é Svadhistana, que significa segundo alguns autores "morada do Sol", segundo outros,"morada própria". Ele também recebe os nomes de Chakra do Hara, Chakra Sagrado e Chacra do Sacro.

A função básica do segundo chakra é filtrar e distribuir a energia vital. Ele também é responsável pela sexualidade - tanto por sua energia, quanto pelo prazer que ela proporciona – pela criatividade, pela reprodução e pelos relacionamentos, quaqlquer tipo, inclusive o relacionamento com o mundo físico.

O chakra esplênico é o chakra das emoções. Diane Stein em seu livro As Sacerdotisas, coloca este chakra relacionado ao corpo emocional e à projeção astral, conhecida também como viagem astral. Isto fica fácil de entender pois é este chakra que liga o corpo físico à alma.

É o chakra do movimento, da expanção. Reg…